Ir para conteúdo principal
Entrar E-books & etc

O clássico em total harmonia com o azul e amarelo

Postado dia 8 de junho de 2016 por Nathalia

Quando Cris conheceu Diogo, logo intuiu que ele seria o homem de sua vida. Após dois anos de namoro e de muitos papos sobre casamento, foi ela quem tomou a iniciativa e fez o pedido. No dia seguinte, o casal comprou as alianças e, desde então, foi quase um ano e meio de preparativos.

O sonho da noiva era casar na Igreja Nossa Senhora do Monte do Carmo e festejar na Villa Riso. E tudo saiu como planejado. Cris se define como clássica e romântica, e Diogo – fotógrafo profissional –, como extremamente observador. Com essas características, ela investiu em um modelo de vestido tradicional. “Carol Hungria entendeu o que eu queria e, já no primeiro desenho, acertou em um modelo com mangas rendadas e detalhes com pérolas e cristais”, afirma Cris.

O casal teve muita cumplicidade em cada detalhe da organização. O noivo se encarregou, principalmente, da filmagem, música e foto, embora o maior desejo fosse, ele mesmo, registrar o casamento. A noiva ama tulipas brancas e a escolha do buquê foi como sempre idealizou. Segundo ela, Clube das Flores teve extremo bom gosto na confecção do acessório.

Na decoração, o azul deveria predominar, já que ambos adoram. Os vestidos das madrinhas eram dessa cor e, para harmonizar, foram escolhidos os tons amarelo e branco. “Queríamos destacar a decoração da igreja e também da festa. Para cada lugar, escolhemos tons que tornassem o ambiente aconchegante”, revela a noiva, que também lançou de toques prateados na comemoração. Na entrada da igreja, as primeiras quatro cadeiras foram forradas e ornadas com flores em pedestais de prata. Já na festa, a mesa de doces teve muita prataria e flores amarelas e brancas – Cris não queria muitas forminhas.

No making of, a noiva passou o dia no Copacabana Palace com a mãe e a sogra e, de tão tranquila, até dançou com a mãe em alguns momentos. “Estava muito calma e adorei meu cabelo preso com uma tiara de princesa. A maquiagem marcou meus olhos e, ao mesmo tempo, ficou bem natural”, explica. Ao se recordar da cerimônia, repleta de buquês com rosas brancas, afirma que a entrada emocionou todos. “Delfim Moreira Coral e Orquestra arrasou”, elogia.

Quando as portas se abriram, vi vários convidados chorando, e o Diogo no altar, muito emocionado. Como meu pai tem quase 90 anos, foi logo dizendo baixinho: ‘Anda devagar, minha filha’”, conta, sorridente. O marco da festa foi o Cordão da Bola Preta, que levantou os convidados das cadeiras. “Ninguém ficou parado e pudemos curtir bastante cada momento daquela noite incrível”, derrete-se Cris.

Dica!

“Comece a organizar seu casamento bem cedo para não ter susto em cima da hora”.

Serviços:

Aluguel de material: forrações Danilo Kalec, louças e pratarias Panos & Cores Eventos, móveis Commemorare, toalhas Ruth Dourado, velas e lustres Cia das Velas | Bem-casados: Olenka Brownies Bufê: Villa Riso | Cabelo e maquiagem: Milton Barros & Di Blanke Carro: Conduzindo Noivas | Cerimonial: Lela Eventos | Convite e caligrafia: Lucena Convites Decoração: Eugenia Guerrera Doces: Desire Cacau | Filmagem: FitVídeo | Forminhas: Arte em Forminhas Fotografia: Patricia Figueira e Sabrina Vasconcelos Photography |  Grinalda: Marcelo Hicho Identidade visual:Patrícia Koeler Música: Delfim Moreira Coral e Orquestra |  Local da cerimônia: Igreja Nossa Senhora do Monte do Carmo | Local da festa: Villa Riso |  Vestido e véu: Carol Hungria.